Este espaço destina-se à divulgação da pesca, em especial da pesca à bóia e da pesca de competição, onde relato as minhas pescarias e aventuras na região Oeste e não só.

Segue-me no Facebook

domingo, 10 de março de 2013

Praia do Matadouro (Ericeira)


Aproveitando o trabalho realizado para a revista do Mundo da Pesca e também a falta de condições para pescar, publico mais um bom pesqueiro da zona Oeste.
Este é mais um bom pesqueiro para spinning, chumbadinha e de bóia para quem gosta de pescar com pouca altura de água. 



Para uma boa jornada aqui o mar ideal deverá ter uma ondulação nunca superior a 2 metros e com períodos que não deverão ser superiores ao valor 10 pois pescamos praticamente ao nível da água, e com valores superiores torna-se inseguro pois cria enchios. É no inverno e outono a altura mais indicada para se realizar lá uma pescaria, é que devido a pouca altura de água do pesqueiro é colmatada com a cor das águas um pouco mais tapadas. Com estas boas condições resta-nos ter em conta o vento que deverá ser fraco ou mesmo nulo de preferência, pois este pesqueiro está desprovido de qualquer abrigo natural, e caso haja vento que seja do quadrante sul ou sudoeste pois ajuda a aguentar o engodo e permite trabalhar melhor a pesca. Os ventos de Norte ou do quadrante Noroeste são um grande entrave para este pesqueiro pois alem de dificultar a pesca faz com que a ondulação que já é tendencialmente de Norte ganhe ainda mais corrente nesse mesmo sentido, abalando com o engodo e pondo o peixe a comer longe do pesqueiro.
Este é mais um pesqueiro para quem gosta de pesca ligeira em águas baixas e com os pés sempre de molho, é essencialmente composto por lajes com alguns bons caneiros.

 Bom pesqueiro de maré vazia onde podemos começar a jornada pescando num caneiro logo a 50 metros à esquerda da descida, e depois de passarmos um pequeno ribeiro que desagua ali próximo. É com marés grandes, de lua nova ou lua cheia que melhor melhores resultados dão, pescamos na ponta dessa laje de costas para sul e conforme a maré vai subindo acompanhamos a maré até estarmos na praia.
Ainda temos outro bom pesqueiro denominado de «Cano de Inox», a aproximadamente 200 metros a norte da descida, é mesmo um cano de inox que serve para puxar água do mar para os viveiros de marisco, pousamos ai o material, este é também um pesqueiro para toda a maré, mais indicado para as marés com luas de quarto crescente ou minguante, pescamos na ponta da laje virados para norte e vamos recuando com a enchente.


Em ambos os pesqueiros podemos apanhar bons sargos, robalos, e ainda algumas tainhas e salemas, que apesar de menos nobres alegram e muito as jornadas de qualquer pescador de bóia. 
Para estes pesqueiros o material convém ser todo ligeiro para conseguirmos enganar e ferrar mais fácil e rapidamente os peixes, canas curtas entre 3,90 a 4,5 metros de baixa acção e por isso de ferragem rápida, são as mais indicadas, bóias entre as 3 e 6 gramas e os fios não devem ter diâmetros superiores a 0,20mm sendo os 0,16mm mais indicados,  devem ser de boa qualidade, apesar de não termos necessidade de levantar peixe, podemos ter a sorte de engatar aquele robalo, sem esquecer de uns bons botins ou fato de neoprene para maior conforto pois pescamos praticamente ao nível da água. Nestes pesqueiros é essencial engodar, no mínimo 5kg de sardinha para uma jornada de pesca, como iscos o camarão, carapau, cavala e claro que no topo das preferências a sardinha são os fundamentais para uma boa jornada. 
Agora é ir até lá para mais uma jornada de pesca. 

16 comentários:

  1. Boas Pedro, lindas fotos, estou a pescar cada vez mais assim, Sábado acaba o defeso do sargo, e já posso ir aos meus pesqueiros com essas características, bom post, um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado João,
      Eu é como gosto mais de pescar, pesqueiros fundos não são o meu forte, e se não tiver os pés de molho já não estou bem!!!
      Agora que o defeso está no fim vais voltar ás boas jornadas de pesca, estamos cá para acompanhar.
      Um abraço

      Eliminar
  2. Buen reportaje del pesquero y bien explicado Pedro, tenéis una costa espectacular, hoy parece que nos hemos puesto de acuerdo con las entradas hehehe.
    Un abrazo amigo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem duvida Companheiro Salah, hoje estamos em sintonia, ambos não pescamos e fizemos posts idênticos.
      É assim companheiro, já que não podemos pescar, ao menos partilhamos com a comunidade alguns bons locais para o fazermos.
      Um abraço de Portugal, e quando voltares cá diz, pois pode ser que te faça companhia.

      Eliminar
  3. Boas Pedro,

    Já me tinham falado dessa praia, mas não tinha a precisão que fosse tão grande, vai ser a minha próxima vitima, assim que o mar deixar..

    Gr Abraço

    ResponderEliminar
  4. Grande Nelson,
    Desde já agradeço a visita e comentário aqui no meu espaço, és sempre bem vindo.
    Este é um pesqueiro muito batido pela malta do spinning, eu já lá tentei inúmeras vezes mas sem resultados, mas sei de pessoal que já lá realizou grandes pescas.
    É lá ir tentar.
    Um abraço e bons lances.

    ResponderEliminar
  5. Boas grande pedro exelente report do pesqueiro companheiro,tenho a felicidade de conhecer o mesmo e de já lá ter pescado quando fazia ai as minhas investidas para provas na zona,um grande abraço amigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Nuno, como já lá estiveste sabes do que falo, muito bom mesmo.
      Abraços

      Eliminar
  6. Boas Pedro!
    Umas fotos exelentes com uns belos pesqueiros,força ai para as tuas jornadas,um abraço companheiro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Alexandre, que também tenhas umas fartas pescarias.
      Abraços

      Eliminar
  7. que playas tan maravillosas, saludos desde Malaga

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desde já agradeço a tua visita e comentário aqui no meu espaço de partilha.
      É verdade, tenho a sorte de viver numa zona com uma costa muito bonita e bastante boa para a pesca.
      Um abraço e boas pescas.

      Eliminar
  8. nesse spot já tive umas alegrias ao spinning.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nesta altura é muito pescado por malta ao spinning, tem boas condições para esse tipo de pesca, ondulação certa e sem muita força, mesmo com o mar bravo.
      Um abraço

      Eliminar
  9. Aúpa Pedro, buen reportaje y bonitas fotos, el sitio es ideal como bien dices para sargos y lubinas, tenéis una buena costa para la práctica de la pesca, bueno a seguir así.

    Saludos desde Cantabria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado José, agora é esperar que o mar deixe pescar e que o peixe encoste pois tem andado afastado, para ser tudo perfeito.
      Abraços

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...