Este espaço destina-se à divulgação da pesca, em especial da pesca à bóia e da pesca de competição, onde relato as minhas pescarias e aventuras na região Oeste e não só.

Segue-me no Facebook

sábado, 5 de maio de 2012

Um dia com peixes de luxo

Hoje foi com o meu amigo Helder pescar, uma pescaria à muito desejada mas que estava difícil de sair.
Aproveitando uma folga nos concursos este fim de semana, lá fomos para mais um dia de treino intensivo de pesca, com o intuito de dar mais umas luzes e comprovar se os meus ensinamentos ao meu aluno(amigo) de pesca favorito tem sortido bons resultados.
Como a maré vazava bastante pois era maré de lua, fui fazer o reconhecimento do pesqueiro do matadouro(Ericeira) com estas amplitudes de maré.
Fomos bem cedo de modo a aproveitar o óptimo dia que nos esperava, chegados ao pesqueiro escolher o material que mais se adequava para as condições de mar que tínhamos, como o mar ia a cair e com pouca agua optamos por uma pesca ligeira. Engodo na agua e logo entraram algumas tainhas e algumas salemas que nos proporcionaram bons momentos. 

Quando a maré virou e começou a encher começou a entrar o peixe de qualidade, com o Helder a apanhar  um magnifico sargo veado e eu uma enorme dourada, que como eram exemplares muito acima da medida legal foram devolvidos ao seu habitat, esperamos poder apanha-los daqui a alguns anos bem maiores.

Com o subir da maré fomos sacudidos pelo mar do pesqueiro e tivemos de procurar outro local onde tentar alguns sargos pois a maré já ia alta, coisa que se veio o confirmar mas com poucas capturas em que eu fui o rei dos cabozes para satisfação do Helder.
Apesar do peixe não ter colaborado como mais desejávamos deu  para passar uma boa manhã, com um aroma da maresia agradável e por a conversa em dia, pois o convívio também uma importante parte da pesca.
Comprovo que o meu aluno tem ido aos treinos e que tem feito os trabalhos de casa bem feitos, apenas precisa de acertar alguns pormenores para melhorar ainda mais.
Fica a eterna duvida, onde anda o peixe? E já agora de qualidade e em boas quantidades.   

12 comentários:

  1. Amigo Pedro;ontem foi uma manha muito bem passada.Deu para ver que mt em breve estas a levar porrada,duma coisa sei a andar em cima das pedras perco 10 a zero...eheh.Quanto ao peixe podia ter sido pior, mas em breve encontramos os sargos e enchemos a lata.Ate la resta me treinar para estar ao nivel do professor.Abraço e obrigado pelas fotos e pelo bom momento.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Grande Helder,
      Muito boa apreciação da jornada e das tuas dificuldades, mas já sabes que são muitos anos a virar frangos.
      Quanto a levar porrada já são 2 a ameaçar(pelo menos que eu saiba), és tu e a minha esposa, mas quanto a isso estamos cá para ver, pois acho que nem nos cabozes me ganhas ha ha ha.
      Quanto aos sargos esperamos que para a semana não faltem para enchermos a lata.,
      Abraços

      Eliminar
    2. Boas Pedro,realmente estas com uma tecnica bastante apurada nos cabozes eheheh,assim so me resta treinar mt.Uma coisa sei contigo tenho melhorado mt,ensinas td o que sabes com prazer,nao ha muitos assim.So te posso agradecer e esperar novas oportnidades...abraços

      Eliminar
  2. Grande Pedro!
    O peixe pode não ter comparecido da forma que vocês desejavam ,a pesca é tem dessas,mas uma óptima manha de pesca passada na companhia dum bom amigo é sempre muito gratificante.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Alexandre,
      É isso mesmo, a boa companhia por vezes é muito mais importante que uma lata cheia de peixe.
      E já sabes se o trabalho permitir, gostaria imenso que viesses ao concurso de domingo da Bordinheira.
      Abraços e grades fainas

      Eliminar
  3. Bons peixes,amigo e o convivio é tudo,quando andava nessa vida das provas foram muitas as vezes que fui aqui do seixal ai para a ericeira para treinar as tainhas para os concursos,isso é que é realmente amar a pesca e a natureza parceiro um abraço e bons treinos e provas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Ntyper,
      Pois isto de competir tem destas coisas, temos de conhecer o melhor dos pesqueiros e para isso nada melhor que uns treinos , mas nesta fase gosto bastante de tentar encaminhar alguns colegas de pesca e amigos dando algumas dicas para que possam melhorar a sua maneira de pescar.
      E domingo se quiseres vir participar num grande concurso, competir e conviver um bocado aparece na Bordinheira, pelo menos o almoço é garantido, vai ser do melhor!!!
      Abraços e grandes Robalos

      Eliminar
  4. Olá amigo pescador!
    Gostaria de saber como pescam tainhas por aí? Qual isca utilizam?
    Obrigado.
    Abraços.
    www.PescaLitoral.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas,
      A técnica mais utilizada na costa portuguesa para pescar tainhas é pescar à bóia, estas boias tem que ter gramagens baixas entre 2 e 5 grs pois as tainhas são bastante desconfiadas, os fios tambem tem de ser finos vaiando entre 0.10mm e 0.20mm pelas mesmas razões.
      Quanto a isca usamos sardinha, tambem uzamos carapau, fazen-se filetes e debos cortan-se pequenos beliscos e colocan-se no anzol, este tambem tem de ser pequeno e bastante afiado para se ferrar com facilidade o peixe.
      Para chamar o peixe ao pesqueiro engodamos com sardinha muito bem migada de modo a que o peixe depois só consiga comer o isco que lá metemos.
      Obrigado pela visita ao blog, e vai passando pois muito em breve irei desenvolver esses temas(iscar com sardinha e engodar)
      Um abraço

      Eliminar
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Eliminar
    3. Grande Pedro, obrigado pela resposta. Vou tentar pescar alguma aqui no Brasil e depois te informo.
      Fiz um link desta postagem no meu blog para os leitores entender mais da pesca de Tainha nos costões.
      Abraços.
      Pesca Litoral

      Eliminar
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...