Este espaço destina-se à divulgação da pesca, em especial da pesca à bóia e da pesca de competição, onde relato as minhas pescarias e aventuras na região Oeste e não só.

Segue-me no Facebook

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Matar saudades da escola nas alturas

Neste passado domingo houve 2 concursos de pesca, um no Carrascalense em Cascais e outro no Chão de Parada em Alcobaça, sem disponibilidade para ir a estas brincadeiras que tanto gosto, aproveitei para estar com a família.
Claro está que tinha de matar o vicio do mar e da pesca, pois fim de semana sem pesca não é fim de semana, aproveitei a ocasião para levar o meu júnior a brincar um pouco e matar saudades numa manhã de pesca, depois de se ter portado bem na escola e ter passado de classe.
O tempo não estava grande coisa, com alguma chuva e borriços  à mistura, já o mar estava muito bom, uma cor maravilhosa, um pouco mexido como manda a lei, mesmo a convidar.
A  ideia não era pescar mas sim ajuda-lo em mais uma jornada, o pesqueiro escolhido foi os Coxos na Ericeira, como o tempo estava incerto tínhamos de arranjar pesqueiro perto do carro, assim optamos por iniciar a pesca num pesqueiro alto de 20mts(daqueles que não gosto nada), nas varandas do lado esquerdo da praia.
Depois de montar uma cana com fio 0,20mm e uma bóia de 7grs, engodei com sardinha o pesqueiro, como isca apenas sardinha, o mais pratico, mais barato e polivalente, depois de iscar lancei e passei-lhe a cana para as mãos, em menos de nada a bóia afunda e ele ferra o peixe, depois de trabalhar o peixe lá o conseguiu içar, uma bonita safia logo ao 1º lance, era ver a alegria dele.



A festa continuou com o peixe a dar sinal em quase  todos  os lançamentos, foram saindo uns peixes de varias qualidades, umas bailas, uns sargos, uma tainha e uma salema, alguns peixes desferraram e outros partiram, tirou também uns robalinhos que foram devolvidos por não terem medida, tiveram direito a saltos de queda livre, não sei se sobreviveram devido a uma queda daquela altura, mas espero que sim.


Assim que a maré virou para a vazante o peixe deixou de picar, como o tempo já tinha melhorado e ainda faltavam 2 horas de pesca até ao almoço decidimos ir procurar noutro buraco, acabamos por ir um pouco mais a sul acabar a jornada nos Guiões.




A procura não deu resultados práticos onde apenas conseguimos tirar uma sargueta  e um caboz que depois da foto foram para o seu  habitat, além destes 2 peixes apenas de realçar a perda de um bom peixe que não lhe deu hipóteses, fugiu para o lado da lage e acabou por cortar o fio logo junto da bóia.
Esta foi uma boa jornada, eu sai satisfeito bem como o meu júnior, deu para nos divertirmos e passar uma boa manhã os dois partilhando esta nossa paixão.

11 comentários:

  1. Respostas
    1. Parece que sim João, pelo menos eu esforço-me para o ajudar ensinando tudo o que sei, ele esforça-se bastante por aprender e tenho certeza que vai ser um bom pescador, vicio não lhe falta.
      Um abraço e obrigado pelo comentário.

      Eliminar
  2. Boas Pedro

    Pelo que vejo o miúdo já pesca melhor que o pai.
    Abraço e continuação das pesca em familia.

    Francisco

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Francisco,
      ele por enquanto não pesca melhor que eu, mas para a idade dele pesca já muito bem, uma certeza eu tenho vai ser um grande pescador, se possível melhor que eu, pelo menos esse é o meu desejo.
      Para já vai tendo umas aulas comigo e vamos desfrutando de umas jornadas bem agradáveis em família.
      Um abraço e bons lances.

      Eliminar
  3. Boas Pedro

    Estou a ver que andas a ensinar bem o rapaz, lá estilo tem ele! Estes momentos onde podemos partilhar com os nossos amigos/familiares a nossa paixão pela pesca são muitas vezes mais prazerosos que uma bela pescaria. E ensinar a um filho ainda deve ser melhor!

    Um abraço


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem duvida Jorge que estilo tem ele, nem sabes o prazer que me dá vê-lo a pescar, ver como ele vive estes momentos de uma forma tão intensa, para mim é uma satisfação enorme, alem de o ajudar estes momentos em família pai/filho fazem lembrar-me dos meus primeiros anos de pesca com o meu pai, que boas recordações me traz.
      Um abraço e boas fainas.

      Eliminar
  4. Já tens ai um belo companheiro para as fainas!
    Não tarda nada fica-te à frente nas classificações... LOL

    Forte Abraço aos dois...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Manel, tambem tens de levar o Antonio à pesca, descer la as cortas para ver se ele gasta as energias :D

      Eliminar
    2. Boas Manel,
      de momento ainda vai só aos treinos, talvez daqui a 2 anos, quando já for completamente autónomo comece a ir aos concursos e certamente vai ficar bem classificado.
      Vai ser o meu futuro companheiro de jornadas , e acompanhar também o avô que também vibra com o vicio dele pela pesca.
      Tens de seguir os conselhos do Cristóvão e levar o teu filho contigo para umas pescas em família, vão ficar ambos satisfeitos.
      Um abraço e boas ilhadas.

      Eliminar
  5. O puto tem jeito Pedro, daqui a uns aninhos é ele a dar-te uma abada nos concursos,ahahahahah, grande abraço amigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas João,
      tu já tiveste a oportunidade de poder pescar ao lado dele e verificar o vicio que ele tem pela pesca.
      É bem provável que me vá ganhar muitas vezes, o estilo e arte de pescador está bem presente nele, vai ter muito que aprender e sofrer mas vai lá chegar.
      Um abraço e boas sargalhadas.

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...