Este espaço destina-se à divulgação da pesca, em especial da pesca à bóia e da pesca de competição, onde relato as minhas pescarias e aventuras na região Oeste e não só.

Segue-me no Facebook

terça-feira, 1 de julho de 2014

Não me Lixem!!!

Não me Lixem pá!!!
Será preciso mais placas com avisos para não deixarem lixo nas praias(pesqueiros), provavelmente 1 de 10 em 10 metros, uma em cada pesqueiro, acho que o mais indicado era levarem com essas placas no lombo para ver se aprendem de vez a não fazerem do mar uma lixeira, este não é um flagelo só na zona Oeste, mas à escala nacional.
Mas será assim tão complicado serem minimamente civilizados e levarem o lixo que produzem durante as suas jornadas de pesca para o local mais indicado, já percebi, com tanto peixe que apanham não deve sobrar espaço no balde/lata para colocar esse lixo, que cambada de javardos, só lhes falta o rabinho enrolado para serem porcos.
Serão alguns obrigados a levar com a imundice de outros tantos, quando é que isto vai mudar? Não posso tolerar estes atentados contra o mar e natureza.
Estes actos deviam ser controlados pela policia marítima e punidos com multas avultadas, para por esta gentalha na ordem.

Para ficarem sensibilizados, deixo aqui uma tabela com o tempo estimado para degradação de alguns materiais.
Material Tempo de Degradação
Latas de Aço - 10 anos
Alumínio - 200 a 500 anos
Chicletes - 5 anos
Cordas de nylon - 30 anos
Filtros de cigarros - 5 anos
Metais (componentes de equipamentos) - Cerca de 450 anos
Papel e papelão Cerca de 6 meses
Plásticos (embalagens, equipamentos) - Até 450 anos
Borracha - Indeterminado
Sacos plásticos - Mais de 100 anos
Vidros - Tempo indeterminado

Vamos lá mudar mentalidades e poupar o que resta da natureza!!!

12 comentários:

  1. São os profissionais :)

    Basta ver na boca do inferno em Cascais os profissionais a atracar os barcos, irem a terra para deixar os panos sujos das cavalas e mijarem a cada possa para termos sempre um aroma nojento, mas se a câmara barrar ali a pesca é porque são maus ^^

    Boas pescas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas João,
      é verdade que nem todos os problemas são gerados pelos pescadores profissionais, este tema é sem duvida causado pelos pescadores lúdicos apeados, não todos, creio que uma minoria, ou talvez um pouco mais, que o fazem deixando os pesqueiros um verdadeiro nojo, principalmente pesqueiros altos típicos de pesca ao carapau, esses pescadores sazonais e muitos deles principiantes que ainda não se podem chamar de pescadores, este artigo foi para escrito para mudar a mentalidade desses mesmo.
      Nós cumprimos a nossa parte, limpando sempre o nosso pesqueiro e ainda passamos a mensagem para que os outros o façam também.
      Um abraço e bons lances.

      Eliminar
  2. Infelizmente assistimos a isto em todas as jornadas de pesca que faço...
    Não são só os profissionais, vejo muitos ludicos praticar esets actos!

    Abraço Pedro, força nisso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente acontece, mas vamos trabalhar para mudar essas mentalidades, de maneira a educar essa malta e minimizarmos esse rasto de poluição.
      Um abraço e bons lances.

      Eliminar
  3. Este mundo esta feito num cão Pedro,nem te digo por estes lados esses tipos de malta é mato,grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Alexandre,
      infelizmente ainda são bastantes que o fazem, mas nós que temos blogs, um importante meio de divulgação, não nos devemos limitar a publicar os resultados das fainas e podemos e devemos divulgar estes actos de maneira a indicarmos o caminho certo a seguir, talvez consigamos abrir algumas mentes e diminuir esse rasto, pelo menos essa é a minha esperança.
      Um abraço e vamos lá combater este flagelo.

      Eliminar
  4. Como sabes ainda há pouco tive num pesqueiro que até não costuma estar muito sujo e até pilhas tinha... :(
    Dizem que o pessoal mais novo tem outra mentalidade, mas infelizmente não vejo muitos casos praticos, continuo a achar que são sempre os mesmos que sujam e vão continuar, porque não lhe doi nada e querem lá saber do dia de amanhã!
    Olha aqui na Ria Formosa, este fim-de-semana, fiquei completamente parvo a olhar! Uma mulher já com os seus 20 e pico anos, vem de uma embarcação de recreio, coloca as suas coisas dentro do carro e depois dá um bebe de uma garrafa de água de 1,5l e joga para dentro da Ria, estanto a mesma já dentro do carro!!!!!
    Tem algum sentido?!?!
    Isso é como, quando vamos a conduzir, quantas vezes vimos o pessoal a mandar fora do vidro: sacos, garrafas, papel, plástico, pausinhos de gelados, etc...
    Tem algum sentido?!?!
    Vamos crer acreditar que algumas mentalidades possam mudar, mas duvido... :(

    Forte Abraço e cabe a nós limpar o pesqueiro, pois para a próxima poderá estar um pouco mais limpo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Manel,
      eu partilho da tua opinião, existem faixas etárias que tem mais tendência a integrar estes ditos cujos, são eles os mais jovens e os mais idosos, mas não generalizando claro está, dá a ideia que não vêem grande futuro levando-os a uma mentalidade egoísta e desumana, mas não podemos desistir de mudar mentalidades, tal como fazemos nos peixes sem medida que damos o exemplo de que devemos devolve-los, não conseguimos mudar todas as mentalidades mas certamente mudamos algumas.
      Pelo menos cumprimos a nossa parte, esperamos depois que os outros cumpram a sua parte.
      Um abraço e toca a divulgar esta causa.

      Eliminar
  5. Há cerca de duas semanas, nas pedras ao lado dessa primeira plca, deixaram restos de duas sardinhas e um polvo bébé, de bucho revirado, e já completamente seco de ter estado ao sol... O lixo é atitude de gente porca, mas isto é de gente desumana. E depois basta estar um caçador submarino dentro de água, para ser ele o culpado por não haver polvo, e chegar ao carro e ter os pneus furados...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas caro anónimo, desde já agradeço a tua visita e comentário.
      Tanto essa atitude como a de deixar lixo são lamentáveis, possivelmente esse polvo bebé e essas sardinhas foi isca deixada no pesqueiro por algum pescador de fundo que ali esteve de noite a pescar ao safio, e que depois deixo no pesqueiro a secar assim como fazem com o lixo, uma nojeira completa.
      Quanto aos caçadores submarinos as mensagens que deixo são as mesmas que para os pescadores lúdicos, que respeitem as medidas mínimas de captura e que respeitem os pescadores apeados nas distancias onde praticam o seu desporto, pois muitas vezes vem mergulhar mesmo no pesqueiro onde estamos a pescar como já aconteceu comigo, um gajo veio para a minha frente matar sargos graças ao meu engodo, ele nem precisava de mergulhar, andava em pé a caçar na espuma em cima de um lajão, fiquei fulo, além de invadir o meu espaço, escardiou o pesqueiro sem dar o mínimo cavaco, quanto a essas atitudes de furar pneus e partir vidros são manobras praticadas por vândalos e inergúmenos com intuito de afastar o pessoal de pesqueiros que dizem ser deles, mais uma atitude de egoísmo e pura ganancia.
      Um abraço boas caçadas, e vai passando por aqui pois és bem vindo, caso queiras vai comentando pois este espaço é acima de tudo um espaço de partilha.

      Eliminar
  6. Há os pescadores, os que querem ser pescadores e os porcos.

    Estes últimos não querem ser pescadores, gostam da sua pocilga e por isso onde quer que vão, tentam sentir-se em casa, no meio da porcaria.
    Não custa nada pegar num saco de plástico, juntar o lixo todo e deitar num caixote do lixo.
    Excepto para os porcos.

    Ja cheguei a apanhar garrafas de cerveja na praia e andar com elas de um lado para o outro, para no final deitar fora...Enfim, mentalidades....

    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tá boa Morais, curta e directa.
      Eu muitas vezes faço o mesmo, no final da minha jornada, encho os meus sacos que vão para o lixo com o lixo deixado por outros, é uma forma de limpar algum do lixo, mas muito vai mesmo parar ao mar.
      Vamos ajudar, não só limpando como fazendo passar a mensagem, para quem sabe um dia sejamos todos pescadores civilizados.
      Um abraço e bons lances.

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...